Xanxerense considerado um dos maiores traficantes do Oeste é preso pela DIC

5 de outubro de 2018 17:11 | Comunidade , Política , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Xanxerense considerado um dos maiores traficantes do Oeste é preso pela DIC Foto: Alessandra Bagattini/Lance Notícias

Dois homens foram presos em flagrante pelo crime de tráfico de drogas, nesta sexta-feira (05), na BR-282. As investigações foram coordenadas pelo delegado de polícia, Vinicius Buratto Iunes. Foram presos A.M., de 41 anos e J.B.A., de 51 anos.

De acordo com o delegado, J.B.A., é um dos maiores traficantes de drogas do Oeste de Santa Catarina, suspeito de integrar o Primeiro Comando da Capital (PCC). Ele foi preso ao descer de um ônibus, que fazia sentido Campinas (SP) a Xaxim (SC).

“Prendemos um dos maiores traficantes de drogas do Oeste Catarinense. Nós havíamos recebido a informação de que o homem teria ido buscar drogas no estado de São Paulo. Começamos a monitorar toda a situação e abordamos quando o suspeito, de 51 anos de idade desembarcou do ônibus, aqui em Xanxerê, na BR-282, próximo a um posto de combustível, onde também já se encontrava um comparsa dele e associado ao tráfico de drogas”, explicou o delegado.

Ainda segundo o delegado os dois homens são de Xanxerê. Um residente no Bairro São Jorge e outro no Vista Alegre. O homem de 51 anos é proprietário de um bar, localizado no Vista Alegre, local que também é alvo de investigação.

“Verificando a presença dos policiais, o homem tentou empreender fuga, mas rapidamente foi detido e preso. Com ele foi apreendido dinheiro, dois quilos de drogas, um quilo de cocaína e um de crack. Com essa quantidade de droga, eles teriam, aproximadamente, mais de R$ 100 mil de lucro. Com o comparsa dele, o de 41 anos, foi apreendido dinheiro, sacolas, balança – material para ser embalado a droga”.

Após os procedimentos realizados na Delegacia de Polícia Civil, os homens foram encaminhados ao Presídio Regional de Xanxerê, onde permanecem à disposição da Justiça.

“As investigações irão prosseguir e ainda podem ser geradas várias prisões em desfavor dos mesmos. Foi um duro golpe para o tráfico de drogas do município, uma vez que ele abastecia outros municípios da região, como Chapecó”, conclui o delegado.


Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário

Saiba Mais