Xanxerense se dedica ao artesanato voltado para bebês

19 de setembro de 2018 09:03
Comunidade , Lance Notícias , Variedades , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Xanxerense se dedica ao artesanato voltado para bebês Fotos: Arquivos Pessoais

Paciência, amor e muita criatividade. Estes são os tópicos principais que são colocados em prática pela xanxerense Mayara Bigolin Bristot, que se dedica ao artesanato, especialmente patchwork direcionado para bebês.

Mayara comenta que começou com o trabalho após optar por não trabalhar mais fora de casa. “Depois que tive bebê optei por não trabalhar mais fora e ficar em casa cuidando dela. Diante disso aflorou minha paixão pela máquina de costura, então resolvi comprar uma. Comprei mesmo sem nunca ter pego uma na mão. Eu não sabia nem passar a linha na agulha”.

Mayara confecciona almofadas, bonecos, lembrancinhas, toalhas e até mesmo berçários. “No início eu pegava as coisas na internet, modelos e ia fazendo em casa. Mas, no Natal do ano passado minha irmã que estava grávida me fez dois pedidos: o primeiro se eu aceitava ser dinda do bebê dela e o segundo seu eu faria o enxoval todo do bebê. E eu aceitei os dois”.

Com a confecção, Mayara viu a oportunidade de ganhar uma renda extra. “Amo de paixão o que estou fazendo, porque além de gostar de fazer isso, eu tenho uma renda extra que me ajuda e muito”.

O tempo de confecção varia do pedido do cliente. “Para ficar pronto depende muito do que o cliente pediu. Os jogos de berço são mais elaborados e demorados, mas os mais simples, ficam prontos em poucos dias”.

Os valores, segundo Mayara, dependem também do pedido. “As lembranças de nascimento algumas custam na faixa de R$ 6,00, as ‘naninhas’ R$ 45,00. Os kits de berço conforme as peças que o cliente vai querer. Então varia muito”.

Atualmente, a xanxerense diz que inspiração e criatividade para a elaboração dos trabalhos, vem de sua irmã e filha.


Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário

Saiba Mais