Ka Empreendimento
Santa Aurora Direita

Após pensar em tirar a própria vida, jovem torna-se psicóloga e atua na prevenção ao suicídio

Patrícia Silva | Xanxerê | 21/07/2021 18:02
Após pensar em tirar a própria vida, jovem torna-se psicóloga e atua na prevenção ao suicídio
Compartilhar no Whatsapp
Visualizações: 27258

O assunto ainda é tratado como tabu. Pouco se fala sobre o suicídio. Muitas famílias que passam pela situação preferem “evitar” falar a respeito. No entanto, isso não impede que cada vez mais pessoas tirem a própria vida.

A família de Fabiane Padova passou pela situação. Um tio dela tirou a vida quando ela ainda era adolescente, no entanto, isso a marcou.

– Eu perdi o meu tio por suicídio. Foi então, que percebi que precisava fazer algo para ajudar essas pessoas, pois, entendia que poderia se fazer algo – conta.

Então, ela resolveu cursar psicologia. Durante o curso acabou passando por um dos momentos mais delicados da sua vida.

– Depois disso, eu entrei na psicologia. Estava passando por um momento difícil, trabalhava demais, estudava todos os dias, não tinha momentos de lazer, e na época entrei em um quadro depressivo e pensei em me matar. Foi uma fase. Na época eu pedi ajuda para familiares, eu usava frases como “não aguento mais”, “como está não dá”, mas nunca expus de forma direta – detalha.

Neste caso, felizmente, Fabiane se recuperou, teve ajuda e deu a volta por cima. Após se formar, passou a atuar especificamente com casos de adolescentes e adultos com pensamentos suicidas.

– No estágio eu atendi uma paciente que estava num quadro depressivo e no final do ano ela me falou que havia nos procurado como sendo a última opção. Nisso eu senti que dava para fazer a diferença – relembra.

Fabiane ainda deixa um recado para as pessoas que estão passando por essa fase.

– Para quem está pensando, é falar e pedir ajuda. Fala com o amigo, com os pais, professores, peçam ajuda. Já para os familiares é prestar atenção – finaliza.

Deixe seu comentário

Acesse nosso grupo de notícias