Pittol
Pittol

Jogador da Chapecoense oferece presente e Luva de Pedreiro diz não saber o próprio endereço

Influenciador está passando por problemas com o empresário que foi acusado de estar "tirando dinheiro" do jovem

Jéssica K Turelli | Esporte | 27/06/2022 14:34
Jogador da Chapecoense oferece presente e Luva de Pedreiro diz não saber o próprio endereço Foto: reprodução/internet
Compartilhar no Whatsapp
Visualizações: 23475

Em mais um relato recebido pela coluna LeoDias, o zagueiro Xandão, da Chapecoense, afirmou que trocou mensagens com Iran Ferreira, o Luva de Pedreiro, e ofereceu ao digital influencer uma camisa oficial do time catarinense. No entanto, o presente não pôde ser enviado. Chama atenção o fato do influenciador relatar, na conversa, não saber o próprio endereço.O motivo para o não envio da camisa da Chapecoense foi o fato de Luva de Pedreiro dizer a Xandão que não sabia o próprio endereço. O fato chamou a atenção.

Na conversa, Xandão pediu que Luva o mandasse o endereço para que a camisa fosse enviada à sua casa.

— Eu vou ver aqui, pois não sei, não, como é esse negócio de endereço. Vou perguntar à mainha— disse o jovem ao zagueiro.

O então empresário do Luva de Pedreiro, Allan de Jesus, também pode ter impedido de receber o presente. Isso porque a situação já ocorreu outras vezes quando a Unilever e a Nike tentaram contratar Luva para campanhas, mas o empresário teria recusado os convites, segundo a coluna de Leo Dias.

Entenda toda a polêmica envolvendo Luva de Pedreiro

O baiano de 20 anos vive um dilema na relação profissional como empresário Allan Jesus, e a situação preocupa os fãs. No domingo (19), o influencer surpreendeu os seguidores ao anunciar uma “pausa” na produção de conteúdo para a web. Em live, o jovem desabafou afirmando estar “de saco cheio”, mas sem explicar o motivo da insatisfação.

Porém, menos de 24 horas após a “decisão”, Iran já voltou a publicar seus famosos vídeos, onde aparece marcando golaços no “terrão”.

O curioso, é que o jovem apagou as menções ao empresário, dono da ASJ Consultoria, responsável por gerenciar a carreira do Luva de Pedreiro e, além disso, também deixou de seguir o agente no Instagram.

Polêmica com o empresário

Na última quarta-feira (22), segundo informações do site Metrópoles, foi revelado que Iran possuía nas duas constas bancárias saldos irrisórios, que giravam em torno de R$ 7,5 mil acumulados ao longo do ano de 2022.

A situação acabou gerando questionamentos na web, uma vez que o garoto havia sido anunciado como novo garoto-propaganda do Amazon Prime Vídeo. Informações apontam que o contrato do jovem com a plataforma de streaming gira na casa de R$ 1 milhão.

Em nota, Jesus chama as acusações de “levianas” e que foram “apuradas de forma seletiva”. Na nota, o agente ainda revela que possui contrato com o Luva de Pedreiro até 2026 e se colocou à disposição para esclarecer os acontecimentos.

Com informações do portal Metrópoles*

 

Deixe seu comentário

Acesse nosso grupo de notícias