Pittol
Pittol

Moradora de Xanxerê utiliza o crochê como forma de controlar ansiedade

Rafaela Moretti | Comunidade | 02/08/2022 18:12
Moradora de Xanxerê utiliza o crochê como forma de controlar ansiedade
Compartilhar no Whatsapp
Visualizações: 20080

Sabrina da Luz, conta que desde muito cedo teve interesse em artesanatos, e que devido a isso aproximadamente há três anos decidiu dar inícios nos trabalhos com o crochê.

– Sempre gostei de artesanatos, aprendi vendo minha mãe que também confeccionava artesanatos – Comenta.

No início, Sabrina conta, que tinha essa atividade como fonte de renda, mas que a partir do momento que começou a confeccionar suas peças, seu amor por crochê só aumentou.

Hoje, Sabrina conta que a paixão pelo crochê também foi uma forma de superação, e que por meio dele viu novas oportunidades, e por mais que tenha algumas dificuldades ainda assim não desiste de seus objetivos.

– Ainda encontro uma certa dificuldade em questão de produção, pois eu tenho dois filhos, e eles sempre querem atenção, além disso, o trabalho ajuda a controlar meus sentimentos – comenta.

A artesã conta que possui algumas dificuldades, inclusive problemas de ansiedade, e de certa forma o trabalho com os artesanatos ajudam no controle dessas emoções.

Moradora de Xanxerê utiliza o crochê como forma de controlar ansiedade
Moradora de Xanxerê utiliza o crochê como forma de controlar ansiedade
Moradora de Xanxerê utiliza o crochê como forma de controlar ansiedade
Moradora de Xanxerê utiliza o crochê como forma de controlar ansiedade

Deixe seu comentário

Acesse nosso grupo de notícias