vitta cardio menu
Santa Aurora Direita

Vitalidade: aos 96 anos, costureira de Xanxerê se dedica a confecção de máscaras

Heloísa Maia | Variedades | 07/04/2021 10:05
Vitalidade: aos 96 anos, costureira de Xanxerê se dedica a confecção de máscaras
Compartilhar no Whatsapp
Visualizações: 28422

Aos 96 anos, Vilma Fedrizzi Giotti esbanja carisma e sabedoria. Natural de Capinzal (SC) e atualmente residindo em Xanxerê, a idosa deixa uma mensagem para os jovens que estão saindo durante o isolamento social.

– Eu peço que eles parem de sair de noite, de beber e de fazer folia, porque assim eles não vão chegar na idade que eu cheguei. E agora com essa doença, eles vão acabar matando o pai, a mãe, os irmãos… Vamos esperar um pouco mais para fazer festa, amanhã é outro dia. Quando todo mundo estiver bem, pode se divertir à vontade – diz.

Ainda sobre a pandemia, dona Vilma relata estar assustada com o coronavírus.

– É uma doença terrível, que mata muitos amigos, parentes e conhecidos, gente nova e gente velha. Eu sinto muito medo, não gostaria de morrer agora no meio dessa pandemia. Me cuido muito porque a vida é tão boa – relata.

Todos sabemos a importância do isolamento social neste momento, pois ele é um dos recursos vitais para reduzir o ritmo de contaminação do novo coronavírus, então é muito importante tomar cuidado com os idosos, afinal, eles estão no grupo de risco. Essas novas medidas podem acabar despertando emoções variadas nos idosos, como tristeza, estresse, ansiedade e depressão.

Para ocupar a cabeça, dona Vilma costura, assiste novelas e jornais todos os dias. As atividades já se tornaram rotina e ela ama o que faz. Costureira durante toda uma vida, ela usa retalhos guardados para confeccionar máscaras de todos os modelos.

– Vou costurando devagarinho, usando os meus retalhos. À noite, assisto tudo que passa na TV, notícias e novelas – conta.

Dona Vilma finaliza com um recado importante.

– Peço aos jovens que se cuidem, usem máscaras e lavem bastante as mãos – conclui.

A família e os amigos da dona Vilma são testemunhas da sua alegria de viver, e exaltam o exemplo que a idosa representa. A filha da dona Vilma, Geni Giotti Mosqueta, fala com orgulho da mãe e comemora os seus 96 anos nas redes sociais.

Deixe seu comentário

Acesse nosso grupo de notícias