Pittol
Pittol

Projeto Cidadãos do Futuro está com inscrições abertas para Xanxerê

Jéssica K Turelli | Educação | 05/05/2022 18:07
Projeto Cidadãos do Futuro está com inscrições abertas para Xanxerê
Compartilhar no Whatsapp
Visualizações: 22602

O Projeto Cidadãos do Futuro está com inscrições abertas. As aulas serão ministradas de forma gratuita para crianças e adolescentes de 05 a 18 anos, e serão desenvolvidas aos sábados das 08h às 11h na Escola Monteiro Lobato no Bairro Pinheiro em Xanxerê.

Possibilitando a inclusão, ressignificação de valores, ressocialização, formação e profissionalização. Realizando para tanto, aulas práticas e teóricas sobre a cultura popular, com oficinas de Capoeira Angola, Samba de Roda, Maculelê, Artesanato e Percussão.

O projeto Cidadãos do Futuro é uma iniciativa do Centro Cultural e Artístico Resistencia Popular e foi selecionado pelo Prêmio Elizabete Anderle de Apoio à Cultura Edição 2020. Executado com recursos do Governo do Estado de Santa Catarina, por meio da Fundação Catarinense de Cultura, tem como proposta possibilitar o acesso, o contato, o conhecimento e o envolvimento com a cultura Afro-Brasileira. Beneficiando os alunos de escolas públicas, particulares, programas sócio educativos e da comunidade em geral, com foco principal (não exclusivo) ao público que que se encontra em vulnerabilidade social, buscando despertar maior interesse às diversidades culturais, que traz consigo a transmissão de saberes passados de geração em geração.

O projeto tem o propósito de atrair crianças, adolescentes e jovens, para um local voltado à prática cultural e de cidadania, que traz consigo a conscientização, que tem um papel fundamental de estabelecer e estreitar relações com o público atendido. A viabilidade do projeto na vida dos beneficiados tem-se efetivado por meio de práticas transversais desenvolvidas nas áreas sociais, educacionais, artísticas, saúde, meio ambiente, culturais e esportivas, que juntas potencializam a construção da cultura de paz, promovendo o desenvolvimento social e sustentável no conjunto das comunidades.

Experiências absorvidas pelo trabalho desenvolvido revelam que o estudo e prática das manifestações culturais realizada de forma conjugada às atividades escolares podem ser utilizadas como importante recurso no processo didático pedagógico. Sua prática estimula e desenvolve os importantes aspectos de hierarquia, respeito ao próximo, companheirismo e de integração. Útil como projeto de reintegração e inclusão social, pois desenvolve a autoestima, melhorando a qualidade de vida física e psíquica do indivíduo enquanto agente do seu tempo.

As inscrições podem ser realizadas na própria escola ou diretamente com os profissionais que estão ministrando as aulas, contato para informações com Diego Luiz Vaseak (49) 9 9155-3149

 

Deixe seu comentário

Acesse nosso grupo de notícias